AGORA É OFICIAL: TURISMO DE FOZ GANHA SECRETÁRIO

Gilmar Piolla

Gilmar Piolla

Terceiro polo turístico mais importante do país, Foz do Iguaçu está vivendo momentos de históricas definições. Tal como foi mostrado na manhã de quinta, 20, na sua Associação Comercial e Industrial, quando o prefeito eleito, Chico Brasileiro, reuniu-se com lideranças empresariais e políticas para falar sobre seus planos para a cidade e responder a perguntas dos participantes. Um dos momentos importantes do encontro, e muito aplaudido, foi o convite que Brasileiro fez a Gilmar Piolla para que seja o primeiro Secretário de Turismo do Município.

Piolla agradeceu, ficou de responder mais tarde ao convite. Fontes políticas não só louvaram a escolha de Chico Brasileiro, como admitem que “Piolla vai dizer sim”.

Afinal, na verdade, ninguém tem tantos créditos no desenvolvimento do turismo de Foz na última década do que o jornalista. A Secretaria de Turismo nasce sinalizando o interesse do novo prefeito em valorizar e ampliar a ação da cidade em direção ao seu principal “produto” – o turismo.

A Secretaria de Turismo entra no lugar da Secretaria de Indústria e Comércio. Seu nome completo: Secretaria de Turismo e Desenvolvimento.

CONVERSANDO

Chico Brasileiro e Beto Richa

Chico Brasileiro e Beto Richa

O poder de atração de quem comanda um governo estadual – no caso, Beto Richa – é sempre grande. Por essa razão, não me surpreendo com o fato de Chico Brasileiro já ter estado com o governador, dias atrás, expondo as dificuldades e as reivindicações da sua cidade. Para isso tem contado com o apoio do deputado Kadri, que representa parte dos eleitores de Foz. É o líder do Governo na AL.

Brasileiro foi constante crítico do governo Richa, especialmente no caso dos professores. Homem prático sabe que sua administração não pode prescindir da presença da administração estadual. Daí os novos tempos que passa a viver com Richa.

Dia 2 de maio o delegado Rubens Recalcatti deverá assumir a cadeira que Brasileiro ocupara até dia 30.

HOSPITAL E VIADUTO

Não há como esconder: os serviços municipais de saúde – e particularmente o ex-modelar Hospital Municipal – estão na lona. Pedem socorro.

A saúde, teria dito Chico Brasileiro ao governador, é seu alvo maior, voltar à posição que ocupou em tempos em que o novo prefeito foi secretário de Saúde da cidade. Para tanto, conta com o apoio do secretário estadual de Saúde, Michelle Caputo, por ele apontado “como raro quadro no universo de auxiliares do Governo”.

Outra preocupação de Brasileiro é o futuro viaduto a ser erguido no rotatório da entrada da cidade. A obra deverá custar R$ 18 milhões, numa possível parceria com o Governo do Estado.

A beleza das Cataratas do Iguaçu (Foto: Site Viaje no Detalhe)

A beleza das Cataratas do Iguaçu (Foto: Site Viaje no Detalhe)