CICLOTURISMO DO IGUAÇU, UMA BOA IDEIA

O deputado Ney Leprevost apresentou na Assembleia Legislativa projeto de lei que institui o “Circuito de Cicloturismo do Alto Iguaçu” no Estado do Paraná.

O projeto tem como finalidade estimular o uso de bicicleta, explorar sustentavelmente o turismo com objetivo de prolongar a permanência dos turistas na região durante todo o ano, incrementar o mercado regional com a criação de empresas voltadas ao ciclismo, valorizar a cultura local, conservar o patrimônio histórico e cultural e divulgar os municípios que integram o Circuito.

OBRIGAÇÕES DE CADA CIDADE

De acordo com o texto, ficarão sob responsabilidade dos municípios:

  • definição das rotas/estratégias que farão parte do Circuito,
  • mapeamento dos atrativos e infraestrutura turística (meios de hospedagem, locais para alimentação, bicicletários e unidades de saúde).
  • E mais: a definição da identidade visual do “Circuito de Cicloturismo do Alto Iguaçu” e a divulgação do Circuito.

QUEM PODERÁ COMPOR O CIRCUITO

Além de Curitiba, farão parte do Circuito: Adrianópolis, Agudos do Sul, Almirante Tamandaré, Araucária, Balsa Nova, Bocaiuva do Sul, Campina Grande do Sul, Campo do Tenente, Campo Largo, Campo Magro, Cerro Azul, Colombo, Contenda, Doutor Ulysses, Fazenda Rio Grande, Itaperuçu, Lapa, Mandirituba, Piên, Pinhais, Piraquara, Quatro Barras, Quitandinha, Rio Branco do Sul, Rio Negro, São José dos Pinhais, Tijucas do Sul e Tunas do Paraná.

Vista geral de Mandirituba

Vista geral de Mandirituba