ADVOGADO PETRUZZIELLO TAMBÉM É CANDIDATO AO PARLAMENTO ITALIANO

Nauiack, Walter Petruzzielo, e Darci Piana

Nauiack, Walter Petruzzielo, e Darci Piana

Filho de italianos, o advogado curitibano Walter Petruzziello confirmou nesta quarta-feira (7), durante encontro com o presidente da Fecomércio, Darci Piana, e o vice-presidente da entidade, Paulo Nauiack, sua disposição em disputar uma vaga ao parlamento italiano. As eleições ocorrem no fim deste mês.

CANDIDATOS DA AMÉRICA DO SUL

Petruzziello será candidato por uma lista cívica independente denominada União Sul-Americana de Emigrantes Italianos, que prevê quatro vagas de deputados e duas de senador a representantes da América do Sul. O eleitorado é composto também por italianos e seus descendentes, desde que possuam dupla cidadania. Só em São Paulo há 115 mil italianos em condições de votar. Seguem-se Paraná e Santa Catarina. Desde 2006, a Itália abre espaço para candidaturas de representantes de outros países.

Renata Bueno

Renata Bueno

RENATA BUENO

Petruzziello não será o primeiro descendente de italianos, nascido no Brasil, a disputar uma vaga no parlamento do país europeu. Em 2013, a ex-vereadora de Curitiba, Renata Bueno, foi a primeira representante brasileira a integrar o legislativo da Itália. Neste ano, ela busca a reeleição.

PASSIONE ITÁLIA

Na semana passada, Renata desembarcou em Curitiba acompanhada pela empresária e consultora de moda, Helena Montanarini, candidata ao Senado italiano nas duas vagas reservadas à América do Sul. Helena e Renata integram o partido Passione Itália, criado no Brasil e cujo presidente de honra é o empresário e político Andrea Matarazzo, sobrinho-neto do conde Francesco Matarazzo.